Music Video

Credits

PERFORMING ARTISTS
Carina Leitão
Carina Leitão
Performer
Helena Montez
Helena Montez
Performer
Heitor Lourenço
Heitor Lourenço
Performer
Sissi Martins
Sissi Martins
Performer
Mário Redondo
Mário Redondo
Performer
Elenco de Encanto
Elenco de Encanto
Performer
Mike Elizondo
Mike Elizondo
Performer
Germaine Franco
Germaine Franco
Performer
Kurt Crowley
Kurt Crowley
Performer
Alvaro Paiva Bimbo
Alvaro Paiva Bimbo
Programming
Michael John Mollo
Michael John Mollo
Programming
COMPOSITION & LYRICS
Lin-Manuel Miranda
Lin-Manuel Miranda
Composer
Mike Elizondo
Mike Elizondo
Arranger
Germaine Franco
Germaine Franco
Arranger
Kurt Crowley
Kurt Crowley
Vocal Arranger
PRODUCTION & ENGINEERING
Lin-Manuel Miranda
Lin-Manuel Miranda
Producer
Mike Elizondo
Mike Elizondo
Producer
Earl Ghaffari
Earl Ghaffari
Editing Engineer
David Boucher
David Boucher
Mixing Engineer
joey raia
joey raia
Recording Engineer
Erica Block
Erica Block
Engineer
Alex Wilder
Alex Wilder
Engineer
Justin Francis
Justin Francis
Engineer
Miguel Ángel Varela
Miguel Ángel Varela
Mixing Engineer
Miguel Ángel Martín del Rincón
Miguel Ángel Martín del Rincón
Mixing Engineer

Lyrics

O nosso chão precisa de alicerces Parece arruinado, mas vamos ficar bem Em família estamos, que bela constelação A cintilar e todos vão brilhar também Mas nem as constelações Persistem eternamente É a hora de saberes Ter dom é indiferente E perdoa todo o mal que eu fiz Temi perder-vos um por um O milagre não é magia que se vê Sim, o milagre és tu, não um dom, és tu Sim, o milagre és tu, todos vós, todos vós Okay, bom, temos de falar do Bruno (é o Bruno) É, há muito a dizer sobre o Bruno Abrir, okay Pepa, sobre o casamento nunca quis ser um tormento E não foi profecia era o que eu via, eu lamento E vou ter de te contar que te vou sempre adorar Deixa entrar ou sair, ou chover, ou nevar, já passou Isso é o que eu digo sempre, bro E, por isso, tenho de me desculpar Hey, não importa, deixa estar, é okay Ainda bem que aqui estás, vem cá, tu és bom rapaz E haja o que houver eu sempre aqui estarei Eu sabia que ele cá estava, o que ouvi eu sei O que oiço eu? A vila inteira desceu Hey! Ajudar eu vou, ajudar eu vou A pobreza acabou, a pobreza acabou Não temos dons, mas sim, eu vejo Que há o desejo de dar o melhor Trabalhar em equipa é um sonho, és tão forte Choro como ninguém e eu também Já não sou tão forte, mas 'tou mais sensata Ya, eu quero adubo e que o sol me bata Vá lá, plantar algo novo p'ra vê-lo voar Só para no céu, no céu Só as constelações Se alteram eternamente E mudam estações Cresceu tão rapidamente Assim como tu Ei, Mariano, o que que tens tu? Ai, sinto tanto amor p'ra dar Tu sabes que tenho uma prima aqui? Conheces a Dolores? Okay, agora eu, adeus Tu falas alto, olhas pela tua mãe p'ra que nada lhe falte Ser poeta é uma sorte e à noite tu fazes arte E eu fico nervosa, tu tens de ver que és o meu norte Dolores, eu vejo e eu sinto (yes, sim) Todos nós, todos nós Casas comigo? (Ainda não) Todos nós, todos nós O nosso chão, eu gosto do que vejo Não é perfeita, não somos assim, claro que não Já para mim não há ainda festejo Falta o quê? A maçaneta, esta é só p'ra ti Uma constelação E é o que tu és Vê o teu coração Tu é que és o verdadeiro dom, vai em frente Eu vejo-te Abre los ojos, e o que vês? Eu vejo-me Só a mim
Writer(s): Lin-manuel Miranda Lyrics powered by www.musixmatch.com
instagramPath